21 de dezembro de 2012

CPU-Z


CPU-Z é um freeware que reúne informações sobre alguns dos principais dispositivos de seu sistema.

CPU
- Nome e número.
- Stepping núcleo e processo.
- Pacote.
- Tensão do núcleo.
- Relógios internos e externos, multiplicador de clock.
- Conjuntos de instruções suportados.
- Informações de cache.


Placa Mãe
- Modelo de fornecedor e revisão.
- Modelo e data da BIOS.
- Chipset (northbridge e southbridge) e sensor.
- Interface gráfica.


Memória
- Freqüência e tempo de ciclos.
- Tipo e tamanho.
- Módulo de especificação (s) utilizando SPD (Serial Presence etect): fabricante, número de série, mesa horários.


Sistema
- Windows e versão do DirectX.


Está também disponível um mecanismo de detecção de CPU-Z 's, para uso personalizado através do CPUID Kit de Desenvolvimento, um SDK profissional construída para os sistemas operacionais Windows.

Em 12 anos, 62 versões do CPU-Z foram liberados, em torno de uma a cada dois meses mais ou menos.
Comparando as telas acima com a tela abaixo é possível ver como o programa evoluiu, para melhor.
A imagem abaixo mostra o CPU-Z 1.03, lançado em agosto de 2000.

20 de dezembro de 2012

HTOP - Monitorando processos no Linux


O Htop é aplicativo alternativo ao top, para monitoramento dos processos no Linux.
Ele mostra uma lista de processoes que estão em execução no computador,
como processador, memória, swap, status de memória e outras informações.
Esta lista é atualizanda em tempo de execução,  em cores diferentes para facilitar a leitura.


Algumas diferenças entre o Htop e o Top:
  • O Htop suporta operações com o mouse.
  • O Htop exibe em listas horizontais e verticais todos os processos e seus respectivos comandos.
  • No Htop você não precisa digitar o número do processo para matá-lo.
  • No Htop você não precisa digitar o número do processo para ajustar a sua prioridade.
  • O Htop inicia e é mais rápido que o top, este último, coleta muitos dados antes de exibir alguma coisa.
  • No top, caso você não faça um ajuste, está sujeito a um atraso para cada tecla que for pressionada.


O Htop é escrito em C, portanto para instalar você precisa do compilador gcc instalado e das bibliotecas de desenvolvimento ncurses.

18 de dezembro de 2012

Universal USB Installer


Universal USB Installer é um Live USB Creator Linux que permite que você selecione a partir de uma seleção de Distribuições Linux quel deseja gravar em seu flash drive USB. 

O Universal USB Installer é bastante fácil de usar, basta escolher uma distribuição Live Linux, o arquivo ISO, o seu Flash Drive e clique em Instalar. 

Após a conclusão, você deve ter uma Live da distro escolhida inicializavel, pronta para ser executada. 

 
Outras características incluem: Persistência (se disponível) - note que a persistência casper só vai funcionar  com discos formatados em FAT16 ou FAT32.

Importante:
Verifique se o seu drive USB foi formatado em Fat16/Fat32/NTFS, caso contrário Syslinux irá falhar e seu disco não irá inicializar.



Pré-requisitos para criação de Flash USB Drive:

- Universal-USB-Installer-1.9.1.9.exe
- Windows XP/Vista/7 para criar o USB
- Flash Drive formatado em FAT16, FAT32, NTFS
- PC com uma BIOS que suporte iniciar a partir de USB
- Imagem ISO da sua dritro favorita

17 de dezembro de 2012

Oracle Database Online Documentation 10g Release 2 (10.2)


Bem-vindo ao Oracle Database 10g de Documentação Online. Aqui você pode pesquisar novas informações, procurar informações de referência, e pesquisar em toda a biblioteca.


São muitos documentos e livros sobre diversos assuntos como Instalação, Administração, OLTP, Desenvolvimento de Aplicações, Data Warehousing, Segurança de Backup e muio mais, que você pode ler ou baixar de graça, vale a pena colocar nos favoritos.


Formatos móveis disponíveis

Vários documentos estão disponíveis em formatos ePub e Mobipocket para visualização móvel conveniente. Links para esses formatos estão disponíveis a partir do canto superior direito da Associated páginas HTML.

MenuetOS

Nem só de Linux, Windows e MAC sobrevive a humanidade...


MenuetOS é um sistema operacional em desenvolvimento para o PC escrito inteiramente em linguagem assembly 32/64 bits. Menuet64 é liberado sob licença e Menuet32 sob GPL. Menuet não é baseado em outro sistema operacional, nem tem suas raízes no UNIX ou os padrões POSIX. O objetivo do projeto, desde o primeiro lançamento no ano de 2000, tem sido o de remover as camadas extras entre as diferentes partes de um sistema operacional, que normalmente complicam a programação e criam bugs.


Sua estrutura de aplicação não é especificamente reservado para programação asm desde o cabeçalho pode ser produzido com praticamente qualquer outra línguagem. No entanto, o projeto de programação global de aplicação destina-se a 32/64 bit asm.


Características

- Multitarefa preemptiva com 1000Hz para schedule, multithreading, multiprocessador
- GUI com resoluções até 1920x1080, 16 milhões de cores
- Aplicação de skins de forma livre, transparente em aplicação de janelas
- Suporte multiprocessador com atualmente até oito cpus
- IDE: Editor/Montador para aplicações
- USB 2.0 de alta velocidade de armazenamento, webcam, impressora e suporte para TV/Rádio
- USB 1.1 com suporte para teclado e mouse
- Pilha TCP/IP com drivers Loopback e Ethernet
- Cliente de email/ftp/http/clientes e servidores ftp/mp3/http
- Busca de dados em tempo real
- Adapta-se em um único disquete, boot também em unidades de CD e USB.



Fonte: http://www.menuetos.net/


Ubuntu 12.10 - "Quantal Quetzal"


Alguns meses depois do lançamento do Ubuntu "Precise Pangolin", versão 12.04 LTS, a Canonical disponibilizou a versão 12.10, batizada de "Quantal Quetzal". Esta versão possui um kernel baseado na versão 3.5 do Linux e traz atualizado o ambiente de trabalho Unity com novos recursos e melhorias.

Esta versão traz uma melhor integração com os serviços do Ubuntu One, incluindo melhorias no Ubuntu One Music Store, introduz suporte para Web Apps e é a primeira versão do Ubuntu a suportar o UEFI Secure Boot.


Também foram realizadas melhorias na Central de Software (Software Centre) e deram melhor acabamento ao Gerenciador de Atualizações (Update Manager), que agora se chama "Software Updater" que é configurando para verificar atualizações assim que iniciado.


Muitos dos componentes e pacotes que integram a distribuição foram atualizados para versões mais recentes: entre eles estã o OpenJDK 7, GCC 4.7.2, o Python 3.2, LibreOffice, e a versão 16.0.1 do navegador Firefox e do cliente de email Thunderbird.

O Ubuntu 12.10 está disponível para download em versões para desktop e servidores no site do projeto. Também estão disponíveis para download as derivações oficiais, incluindo o Kubuntu, Xubuntu, Lubuntu, Edubuntu e Ubuntu Studio.